Direitos Reservados

MyFreeCopyright.com Registered & Protected

6 de fev de 2012

Se você pode, eu também posso!

*Por Lais Dias

Quantas vezes você não disse isso pro seu parceiro?

Seu namorado sai com os amigos, bate um papo, joga futebol, etc... e tudo bem, afinal, qual é o problema dele ter sua vida individual de você? Eu pelo menos, não vejo nenhum!

O problema é que muitas vezes você não se incomoda, mas quando se trata de você ter o seu tempo com suas amigas, ele implica. Porque seus amigos não prestam, ele não vai com a cara de alguem, e por aí vai.

Não vou proteger nenhum dos sexos, o que estou falando aqui vale pra ambos. Tanto o homem,  quanto a mulher tem o mal hábito de querer impor suas vontades perante o seu parceiro. Ambos cometem os mesmos erros, e nunca ninguém admite que está errado. E é aí que tudo começa a desmoronar, e você se pergunta onde foi que errou!

Eu digo onde estava o erro. Foi logo no início, quando o mundo era um mar de rosas, e você achou que iria durar para sempre. Acho que tudo o que fazemos quando estamos dentro de um relacionamento, tem que ter comum acordo. Como sempre, conversa é a base de um bom relacionamento.

Quando você começa a namorar, é bom deixar algumas coisas claras, como por exemplo, que você ainda quer ter a liberdade de sair com a sua turma, do mesmo jeito, que seu parceiro, pode e deve continuar fazendo o mesmo.  Afinal, se vocês terminarem, quem vai te dar apoio e ouvir todas as suas lamentações?

As pessoas não podem agir de maneira egoísta. Porque querer proibir seu parceiro de ter seu tempo sozinho é a pior coisa. As vezes a gente ama a pessoa, mas não quer ver ela em tal dia. Não porque você esteja enjoada dela, mas porque é bom dar uma pausa, deixar a saudade bater sabe? É saudável, ajuda a gente a enxergar que queremos essa pessoa ao nosso lado. Mas ficar grudado a todo segundo, e se fechar numa "redoma de namorado/a" como eu costumo dizer, acaba com a sua vida. Você se afasta dos seus amigos porque se deixou dominar, porque foi submissa e fez tudo o que te "pediram". Aí se esse namoro acabar, você vai ver que quem abandonou os amigos, foi você, e não eles.

Então, senta, conversa, fala o que você gosta e desgosta. Faça um acordo, mas nunca tente proibir nada. Seu parceiro não é sua propriedade, e ciúmes não é o perfume do amor. Ciúmes é casca de ferida, é o ego machucado, irritado por não poder dominar o que não de pode dominar.

Agora fica a critério seu, você tem duas opções: respeitar o espaço da pessoa que você ama, ou tentar dominá-la. Mas aviso, se tentar a segunda opção, seu sonho acaba antes mesmo que você possa imaginar. E você se verá sozinha, sem ninguém pra te dar a mão.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Divida conosco sua opinião, seu carinho e seu Pecado.
Deixe seu link.