Direitos Reservados

MyFreeCopyright.com Registered & Protected

4 de out de 2012

E se...


                             * Texto especial, fã anônimo*
E se nós tivéssemos vivido o que só em meus sonhos aconteceu?


E se a minha fantasia fosse real, e nós tivéssemos consumado tudo aquilo que meus delírios adolescentes tiveram o prazer de criar?

Sabe aqueles pensamentos pecaminosos que a gente tem vergonha e ao mesmo tempo vontade de falar? São exatamente eles que estão guardados comigo há anos, esperando a hora exata de não serem ditos (afinal, o que você pensaria a meu respeito, se soubesse o que você causa em mim?).
São muitas interrogações pra respostas que nunca existirão, pois, a pesar de tantas delas ainda falarem alto dentro de mim, o tempo me obriga a soterrá-las com outras prioridades.
Mas a dúvida é muito grande e recorrente. E se nós dois tivéssemos consumado o ato que tanto sonhei e que a vontade tanto me tirou o sono, se, por vontade do sagaz destino, sua boca se encontrasse com a minha e se transformasse em um caloroso beijo, nossos corpos se aquecendo como ferro em brasa, seu corpo (mesmo que você pense o contrário) de proporções perfeitas colado ao meu, sua pele macia se esfregando na minha, e o arrepio que te sobe a nuca e domina seu corpo nu, quando eu beijasse tuas curvas perigosas. Meus delírios me levam a sentir nossos corpos colidindo por várias vezes num balé nunca ensaiado, mas executado com maestria, como parceiros que dedicaram suas vidas passa esse momento. Quando por fim, exaustos de tanto prazer, nos olhamos nos olhos, sorrindo como cúmplices de um crime perfeito, mais que perfeito...
Sei que é praticamente impossível esse devaneio se tornar real, porém, sonhar ainda é de graça. Por isso eu fico pensando: e se...

2 comentários :

Divida conosco sua opinião, seu carinho e seu Pecado.
Deixe seu link.