Direitos Reservados

MyFreeCopyright.com Registered & Protected

12 de mai de 2012

Minha Pequena Grande Mulher.


                                       Mãe, eu não sei tudo! Mãe, eu também erro e muito!

Mãe, não é que eu não queira te ouvir, é que eu sou orgulhosa demais para admitir que você está certa. Mãe, eu choro, sabia? Eu tento ser forte e provar a todo instante para você que sou capaz e me ponho a prova para te orgulhar, mas à noite, eu choro, eu me sinto sozinha. Eu sinto vontade de correr para a sua cama de madrugada depois de um terrível pesadelo e dormir abraçada com você. Mãe, eu amo quando você faz me café da manhã, eu sei que acordo mal humorada e nem te agradeço, mas amo e muito.
    Mãe, eu também sinto falta de segurar sua mão na hora de tomar soro ou injeção no médico, sou maior de idade, mas ainda sou seu bebê. Ainda sinto medo de monstros, não aqueles dos filmes, mas aqueles que se aproximam de mim em forma de gente, com rosto bonito, que faz juras de amor e me faz sofrer em seguida. Mãe, não me sinto capaz de ir embora de casa para me casar e assumir a minha vida, não serei como você, não saberei lidar com filhos, marido, contas, despesas e tantas cobranças. Mãe precisarei de você na sala de parto para dizer que eu sou capaz, para dar aquele olhar de coragem que só mãe tem. Mãe, preciso de você na primeira fila no dia da formatura, para você ver de pertinho o rumo de todo o seu amor e a sua dedicação.
  Mãe, juro retribuir em dobro aquele pão que você tirou da sua boca para colocar na minha e  as noites em claro segurando nos braços uma filha doente, ou por colocar a sua vida a frente da minha.
  Mãe, eu vou fazer jus ao seu nome em cada frase que eu disser ao meu filho, farei da sua luta a minha luta para que o mundo todo saiba que por trás de uma grande profissional, mãe, esposa, amiga, amante, super-heroína  existe uma enorme mãe. Uma mulher incrível que nenhum dicionário no mundo seria capaz de traduzir, de explicar. Pois nem todas as palavras e gestos e coisas perfeitas criadas por Deus se iguala a sua perfeição, ao seu talento de ser tudo dentro de uma pessoa só, de ter poderes incríveis de entender, de amar e brigar ao mesmo tempo com um filho.
   
PORQUE MÃE É TUDO AQUILO QUE CABE NO UNIVERSO.

          À minha mãe Sandra, com amor.



Nenhum comentário :

Postar um comentário

Divida conosco sua opinião, seu carinho e seu Pecado.
Deixe seu link.